“A vida do Direito é o diálogo da história” - Miguel Reale

Controle de Processos

Endereço

Alameda Salvador 1057 Torre América, Sala 1116
Caminho das Arvores
CEP: 41820-790
Salvador / BA
+55 (71) 32437024

Previsão do tempo

Hoje - São Paulo, SP

Máx
27ºC
Min
16ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Salvador, BA

Máx
28ºC
Min
23ºC
Parcialmente Nublado

Cadastre-se aqui

Coronavírus: "A Agenda é fenômeno que pertence a todos e todas nós", afirma Maíra Vida

A conselheira seccional da OAB-BA Maíra Vida foi a convidada desta quarta-feira (5) do programa OAB na TV, apresentado por Milena Barreto e realizado em parceria com a Fundação Paulo Jackson e Assembleia Legislativa da Bahia. Em virtude da pandemia causada pelo coronavírus, a entrevista não aconteceu no estúdio da TV ALBA, como rotineiramente, mas em live no Instagram, transmitida pelo perfil da Seccional, @oab.bahia. O programa vai ao ar todas as quartas-feiras, às 9h, e a live fica disponível por 24 horas no perfil da OAB-BA.No programa de hoje, foi feito um balanço da Agenda Democracia, Antirracismo e Justiça, uma iniciativa que nasceu no seio do Conselho Seccional, contou com a participação de mais de 50 comissões e durante um mês, diariamente, debateu temas que são caros ao fortalecimento da democracia, das práticas antirracistas e da aplicação efetiva da Justiça.De acordo com Maíra, a advocacia está diante de um fenômeno ao mesmo tempo delicado e complexo. "Esse é um fenômeno que pertence a todos e todas nós e que tem como característica principal a identidade da OAB-BA", detalhou a conselheira seccional. Ela ressaltou que essa foi a primeira fase de um projeto maior e que a sua construção teve como premissas paridade racial, algo imprescindível para a pauta, e a valorização dos profissionais e ativistas locais, ainda que a programação tenha contado com grandes expoentes nacionais. Maíra destacou o apoio que o projeto tem recebido da Escola Superior da Advocacia (ESA), da Diretoria da OAB-BA e de todos os elos que compõem o sistema. "A Agenda nasce de um movimento democrático e nos compeliu a trabalhar de maneira colaborativa. Nós todos estamos a serviço da classe, a serviço da cidadania e da democracia. Vejo isso como algo político, mas também como um sacerdócio". A advogada também convidou aqueles que ainda não fazem parte da OAB a colaborar com essa causa. "Temos mais de 80 comissões, peço que todas e todos se aproximem, percebam quais as suas preferências temáticas e contribuam conosco. Temos muito trabalho a fazer e quanto mais mãos e mentes podemos acelerar esse passo", concluiu.
05/08/2020 (00:00)
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitas no site:  1230750
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.